Por mais cuidadosa que você seja com a sua rotina de beleza, existem alguns vilões que podem estar prejudicando sua pele. Tanto na alimentação, quanto na estéticos, os malefícios trazidos pelo consumo de algumas comidinhas são uma pedra no caminho de quem busca uma pele sempre lisinha e hidratada. Conversamos com algumas profissionais e descobrimos quais são esses caras malvados da história. Confira:

Beleza:

Quando o assunto são produtos de beleza e ativos, há uma lista grande de vilões que você deve ficar alerta. A dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia, Aline Albuquerque Pinheiro, do Rio de Janeiro, nos deu alguns exemplos de substancias que podem provocar irritações, alergias e problemas na pele:

  • Hidroquinona: “É um clareador potente, mas que se usado por tempo indevido, sem recomendação médica adequada pode provocar efeitos adversos como a ocronose”.
  • Chumbo: “É um metal pesado presente em diversos cosméticos, como em algumas maquiagens e tinturas de cabelo. Pode provocar alergias, irritações cutâneas, eentre outras patologias”.
  • Amônia: “Está presente em descolorantes e tinturas de cabelos e pode gerar alergias”.
  • Parabenos: “É uma substância que se comporta como estrogênio, ou seja, hormônio feminino”.
  • Formol: “É um dos principais químicos utilizados para alisar os cabelos e tornar as unhas mais resistentes. Quando inalado, ele pode causar problemas nas vias respiratórias e irritar os olhos, além de ser um potencial produto cancerígeno”.
  • Toluenos e Formaldeídos: “São substâncias presentes na composição de esmaltes que, em contato com a pele, pode causar vermelhidão, inchaço e até coceiras”.
  • Corantes: “Podem ser causadores de alergias em pessoas sensíveis aos mesmos”.
  • Lauril: “Não é exatamente uma substância prejudicial à saúde. Ele é encontrado em quase todos os shampoos e é utilizado para limpar os fios, removendo a oleosidade. Acontece que, o uso indevido do Lauril pode danificar os fios, já que a concentração dessa substância é feita para acertar na lavagem de cada tipo de cabelo. Cabelos oleosos por exemplo, precisam de uma concentração maior, diferente dos cabelos secos”.

Em peles acneicas, os principais vilões são os produtos e maquiagens que contém óleo e obstruem os poros. “Além disso, em algumas pessoas, a acne pode ter um efeito colateral de medicações, como o lítio (normalmente utilizado para tratar depressão ou distúrbio bipolar). O whey protein também pode ser responsável por aparecimento de acne”, afirma Aline. Já se você tem olheiras, a dermatologista alerta: “Os ingredientes contendo substâncias irritativas ou vasodilatadoras são prejudiciais em pacientes com olheiras”.

Alimentação:

Você sabia que existem alimentos que fazem mal a todos os tipos de pele? Segundo a nutricionista do W Estética & Spa, Catia Ruthner, os principais vilões são os alimentos processados e industrializados. Então cuidado para não consumir esses itens em excesso.

“Os alimentos que irão sabotar a qualidade da pele independentemente do tipo são os processados e industrializados, o açúcar refinado e laticínios em geral. Além de bebidas alcoólicas, excessos de café e pouca ingestão de água”, explica ela.  “Eu sempre sugiro uma dieta rica em fontes de Ômega 3 e 6, frutas e legumes frescos, carnes magras, peixes e frutos do mar. Uma alimentação rica em zinco, selênio, cobre e vitamina B6 é indispensável para quem quer melhorar a aparência da pele”, recomenda Cathia.

Se você sofre de acne, fique atenta com o leite, ele pode ser um grande vilão em sua rotina. “Existem vários estudos que evidenciam o leite de vaca e seus derivados como um alimento que predispõem ao surgimento da acne por ser um alimento alergênico e conter a presença de hormônios”, diz Cathia. “Portanto, sugiro excluir o leite de vaca e derivados por 30 dias e observar se a pele responderá de forma positiva. Caso haja a melhora, procure um nutricionista para checar as suas opções e fazer uma dieta adequada”.

Você Pode Gostar

Faça um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *