Quem gosta de aproveitar o Carnaval pra valer sabe que o feriadão muitas vezes implica passar o dia na rua debaixo de sol curtindo os bloquinhos, dormir pouco, ficar horas sem comer e tomar bebida alcóolica mais do que o de costume.

O ritmo intenso, aliado ao calor e ao consumo excessivo de álcool, pode gerar alguns infortúnios à saúde. “O principal problema é a desidratação”, afirma Ana Beatriz Barrella, nutricionista da consultoria RG Nutri, de São Paulo. “E a desidratação pode vir acompanhada de sintomas como tontura, sonolência, boca seca e dores de cabeça”, completa a profissional.

Com o auxílio da especialista, indicamos a seguir as dicas essenciais que vão ajudar você a evitar qualquer um desses perrengues no feriado mais alegre do ano. É só colocar em prática e cair na folia!

 (iStock/iStockphoto)

– Para evitar a desidratação, é indispensável o consumo esporádico de água ao longo do dia e, também, junto com o consumo de bebidas alcoólicas. O ideal é intercalar os drinques com copos de água. Sucos naturais de fruta, água de coco e isotônicos também ajudam na reposição de líquidos. Já os refrigerantes e sucos de caixinha não são recomendados, pois são ricos em sódio, corantes e açúcar.

– Em relação aos alimentos, é comum no carnaval as pessoas saírem de suas rotinas alimentares e ingerirem alimentos de baixa qualidade nutricional. Portanto, sempre que possível, dê preferência a alimentos leves e refrescantes, com poucos condimentos e não muito gordurosos, para não sobrecarregar o organismo e não provocar sono.

 (iStock/iStockphoto)

– Uma alimentação variada, colorida e que forneça todos os nutrientes é importante em todas as fases do ano, mas para garantir disposição na medida certa para curtir a folia é importante inserir no cardápio alimentos com carboidratos, como pães integrais, batata doce, tapioca e suco de frutas naturais.

– Frutas, verduras e legumes ajudam a fornecer vitaminas e também sais minerais, que são eliminados na transpiração. Dica esperta: folhas e vegetais verde-escuros, como rúcula, brócolis e couve, dão uma forcinha para o fígado, ajudando a eliminar toxinas, e são grandes aliados contra a ressaca. Maçã, especialmente a verde, também ajuda a desintoxicar o fígado de forma natural.

– Carne, frango e peixe, grelhados, assados ou cozidos (evite fritura!), completam o prato fornecendo proteína, nutriente importantíssimo para manter a saúde dos músculos do corpo.

– O salmão, de fácil digestão e rico em ômega-3, pode ser uma boa opção para o almoço ou jantar. O importante é ficar atento somente quando for consumi-lo cru, para garantir a segurança alimentar.

– Sugestão: chame o pessoal para um esquenta em casa e sirva um almoço leve, porém reforçado. Uma ótima opção é essa receita de Tartar de Salmão com Abacate que rende 4 porções:

 (Salmòn de Chile/Divulgação)

INGREDIENTES
400 g de filé de Salmão de Chile cortado em cubinhos
Raspas de 1 limão limão Tahiti
½ abacate médio cortado em cubinhos
2 tomates sem pele e sem sementes, cortados em cubinhos
2 colheres (sopa) de azeite
Suco de meio limão Tahiti
Sal e molho de pimenta a gosto
2 colheres (sopa) de cebolinha picada

PREPARO
Em uma tigela, coloque os cubos de salmão, tempere com sal e as raspas de limão e reserve refrigerado.
Em um recipiente à parte, misture o abacate, o tomate, o azeite e o suco de limão. Tempere com sal e molho de pimenta, acrescente a cebolinha e reserve.
Monte cada porção do tartar, utilizando um aro de cerca de 9 cm de diâmetro: inicie com uma camada da mistura de abacate e complete com uma de salmão temperado.
Finalize com um fio de azeite e sirva com folhas frescas.

Tempo de preparo: 25 minutos

No portal http://salmondechile.com,você encontra outras receitas de petiscos, sanduíches e pratos preparados com Salmón de Chile.

Bom apetite e bom carnaval!

Por Abril Branded Content | M de mulher

Você Pode Gostar

Faça um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *