Agora o frio chegou de vez, e nesta época do ano preferimos lugares quentinhos e mais aconchegantes, não é verdade?!

 

Pois então venho contar para vocês que as lareiras vêm ganhando cada vez mais espaço nos momentos de lazer junto a família, além é claro, de ser um charme a mais na decoração do espaço.

Existem várias opções no mercado, com vantagens e desvantagens, mas as mais pedidas são:

  • Lareira a Lenha

Este modelo é o mais tradicional. Precisa de uma chaminé e a parte interna deve ser executada corretamente para que a fumaça não volte. Geralmente é feita em alvenaria revestimento com diversos acabamentos próprios para altas temperaturas. É comum também fazer um espaço embaixo para guardar a lenha.

*Vantagem: modelo tradicional que agrada a todos, podendo abusar da solução arquitetônica da lareira.

*Desvantagem: precisa de duto de exaustão, o cheiro da lenha queimada é forte, a sua limpeza deve ser constante.

 

 

 

  • Lareira Elétrica

É um modelo prático e pode ser instalado em qualquer ambiente. O calor é via eletricidade, mas a chama costuma ser falsa em tela.

*Vantagem: fácil instalação, não possui resíduos de lenha, possui botão liga/desliga, custo mais acessível.

*Desvantagem: como a chama é artificial, a aparência final é um efeito bem diferente de uma chama normal, consome muita energia que varia conforme a potência.

 

 

  • Lareira a Gás

Seu modelo funciona como um fogareiro, mas precisa de um ponto de gás e ponto elétrico para acendimento. Permite várias formas arquitetônicas. Não precisa de exaustão. O acendimento pode ser por controle remoto.

*Vantagem: sem cheiro, praticidade no uso e controle da chama através da vazão do gás. Não precisa de duto.

*Desvantagem: precisa ser prevista em obra, pois terá que ter o ponto de gás. É mais difícil adequá-la em obras prontas/reformas.

 

  • Lareira Ecológica (etanol)

Estas lareiras a álcool não geram sujeiras ou fuligem, evitando assim a limpeza constante. São práticas e pode ser instalada de várias maneiras, formas, e lugares, que dará maior versatilidade aos projetos. Neste modelo não é preciso ponto de energia ou gás, muito menos um depósito para a lenha. Há modelos para espaços pequenos, os queridos portáteis (pode levar para onde quiser) e os decorativos (formatos bem diferentes).

*Vantagem: fácil instalação, versatilidade, nenhum consumo de energia elétrica e limpeza prática.

*Desvantagem: deve ser abastecida a cada uso, com a peça resfriada, antes de ligar.

 

Por Luciana Moterani | Casa e Decoração

 

Você Pode Gostar

Faça um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *