Coordenadora pedagógica renovou um colégio em Novo Hamburgo (RS) com o lema “aprender e compartilhar”

Por Luiz Felipe Castro (Veja)

A gaúcha Joice Lamb, coordenadora pedagógica da EMEF Profª Adolfina J. M. Diefenthäler, em Novo Hamburgo (RS), foi eleita vencedora do prêmio Educador do Ano de 2019, em cerimônia promovida pelas fundações Victor Civita e Roberto Marinho, na noite desta segunda-feira, 30, em São Paulo. Uma das dez vencedoras do Prêmio Educador Nota 10, a profissional de 47 anos conquistou a preferência dos jurados com seu projeto “#aprenderecompartilhar – Escola inovadora.”

“É muita emoção, quase não estou compreendendo. É importante dar visibilidade para o coordenador pedagógico que é, às vezes, esquecido nas escolas, mas é quem ilumina os professores”, discursou Joice na Sala São Paulo, no centro da capital paulista, em evento apresentado por Sandra Annenberg e Thiago Lacerda, com shows de Arnaldo Antunes e Karol Conka. Joice aproveitou para deixar um recado a seus colegas educadores de todo o país. “Acreditem na educação e que estão no caminho certo. E leiam Paulo Freire.”

Professora Patrícia Barreto

A potiguar Patrícia Barreto, professora de língua portuguesa do Instituto Federal do Rio Grande do Norte, em Nova Cruz (RN), foi vencedora do prêmio por voto popular, #EsseProjetoÉ10, com o projeto “Argument(ação): protagonismo juvenil”. “Esse trabalho é o reconhecimento de uma proposta de educação de qualidade para todos. Acredito muito na qualidade dos institutos federais, porque transformamos vidas e fazemos sonhos de tornarem realidades. Quero dividir esse prêmio com todos os meus estudantes e no próximo ano tem mais”, afirmou Patrícia, de 36 anos.

Joice Lamb se assustou com o que viu ao entrar na primeira vez na EMEF Profª Adolfina J. M. Diefenthäler, em Novo Hamburgo (RS), em 2012. “A escola está em um bairro violento e não falo só de violência física, mas de algo intrínseco, machismo. Havia muita indisciplina, reprovação, alunos em defasagem de idade e série. Pensamos em ações para solucionar estes problemas”, contou a coordenadora pedagógica, uma das dez vencedoras do Prêmio Educador Nota 10 de 2019.

Joice e sua equipe desenvolveram projetos que unem alunos de diferentes idades para estimular a criatividade e o senso crítico, inspirada na convicção de que todos podem “aprender e compartilhar” saberes. “Hoje sou muito mais consciente da importância de cada um no processo educativo. Aprendi a ouvir os professores e os alunos e a tentar transformar essas falas em ações e as ações em projetos.”

Seu projeto vencedor é uma ação ampla que convida a comunidade escolar para avaliar as atividades pedagógicas e propor encaminhamentos, correções de rota e melhorias. “Hoje temos uma escola linda, plural, sem pichações, os alunos encontraram outras formas de se expressar”, comemora.

Você Pode Gostar

Faça um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *