Cuidados para não contrair infecção urinária depois do sexo.

Então confira as dicas para evitar infecção urinária depois do sexo.

  • O que é infecção urinária?
  • Causas da  infecção urinária
  • Quais são os sintomas da infecção urinária
  • Afinal, quais são os cuidados para evitar a infecção urinária depois do sexo?
  • Busque por um especialista
  • Ver a imagem de origem
  • O que é infecção urinária?

  • A infecção urinária afeta órgãos do sistema urinário, como, bexiga, uretra. Já os casos que são considerados mais graves afetam também os rins. Essa condição é causada pela presença anormal de patogênicos.Esse tipo de infecção tem diversas causas, sendo mais comuns em mulher do que em homens, devido a alguns fatores, entre eles a anatomia feminina ser mais propensa ao desenvolvimento dessa infecção.A infecção urinária possui outros nomes, conforme o órgão afetado, no caso da bexiga, a cistite, uretra, a uretrite e rins, a pielonefrite.
  • Causas da infecção urinária

    Existem diversas causas para essa condição, entre elas a infecção urinária depois do sexo. As causas mais comuns da infecção urinária são:

  • Anatomia feminina

    A anatomia feminina favorece essa condição, seja a  infecção urinária depois do sexo ou não. A uretra da mulher é curta, de aproximadamente 5 cm. Com isso, ela fica perto da região onde as bactérias costumam ficar, favorecendo as infecções no sistema urinário, pois as bactérias conseguem facilmente chegar a bexiga, causando a infecção.

  • Menopausa

    A menopausa também pode ser uma causa da infeção urinária, com a diminuição do estrogênio, a mulher tem uma facilidade maior para ter infecção urinária depois do sexo ou em outras situações devido estar na menopausa.

    As alterações na região íntima feminina causada pela menopausa também facilita o surgimento de infecções urinárias.

  • Relações sexuais

    A infecção urinária depois do sexo também é comum, mas com alguns cuidados é possível evitar esse problema, que surge devido ao pênis levar bactérias para dentro da vagina durante a penetração. Esse tipo de infecção urinária também é conhecida como “cistite de lua de mel”.

  • Pouca ingestão de água

    A ingestão de água é um hábito diário necessário para manter a saúde geral do organismo. Ao ingerir pouca água, a infecção urinária pode surgir.

  • Maus hábitos de vida

    Alguns hábitos ruins, além de serem prejudiciais à saúde também são fatores de risco para a infecção urinária. A falta de  higiene correta segurar a urina por muito tempo, entre outros, também são as causas da infecção urinária.

  • Os sintomas geralmente duram um ou dois dias e depois reaparecem quando a mulher faz sexo novamente. As manifestações mais comuns incluem queimação ao urinar, dor nas costas, febre, sensação contínua de bexiga cheia, dor durante o sexo, necessidade de urinar com frequência, ardor na área da uretra e pressão na pélvis. A urina também pode apresentar cor turva e odor forte e, em alguns casos, pode ser constatada presença de sangue na urina.
  • A dor pélvica é um dos sintomas da infecção urinária depois do sexo, sendo por muitas vezes bem desagradável e dolorida, sua intensidade pode variar conforme a mulher e a gravidade da infecção.

    Esse sintoma pode se apresentar com uma dor que se inicia na parte inferior do abdômen e se estender até a região íntima. Além de infecção urinária, esse sintoma também está associado a outras enfermidades, como ginecológicas e até intestinais.

  • A dor ao urinar é uma das queixas mais frequentes na infecção urinária. Mesmo assim, nem sempre essa dor é causada por infecção, já que existem outras enfermidades que causar dor ao urinar.

    Se vier acompanhada de outros sintomas comuns da infecção do sistema urinário, é provável de se confirmar que há infecção em algum órgão como bexiga, uretra ou rins. Ainda mais se essa dor persistir por mais de 3 dias.

    Um sintoma que pode ocorrer durante a infecção urinária depois do sexo ou por outra causa, é o sangramento na urina. Apesar desse sintoma nem sempre estar presente, algumas pessoas podem apresentar urina com sangue.

    O sangue na urina pode estar associado a outras doenças ou condições, porém, nos casos de infecção urinária, esse sintoma costuma se apresentar com outros, como dor ao urinar e vontade frequente de urinar.

    Se você lida com infecções recorrentes ou quer evitar o problema, confira as dicas para evitar infecção urinária depois do sexo:

  • Urine depois da relação sexual

    Engana-se quem pensa que somente alguns tipos de sexo é que causam a infecção urinária. O mito que apenas o sexo anal ou oral causam esse problema, não é verdade, pois o sexo vaginal também pode causar a infecção de urina.

    Além do mais, esse problema não está sempre associado a ISTs, apesar de algumas causarem dor no urinar, a infecção de urina pode surgir após o sexo, mesmo com parceiro seguro. Nesse caso, o uso do preservativo e hábitos de higiene são sempre recomendados.

    Assim, é necessário ter atenção a alguns detalhes para evitar a infecção no sistema urinário.

    Um cuidado para evitar a infecção urinária depois do sexo, é sempre urinar após o coito. Dessa forma, é possível eliminar as bactérias que ficam na uretra devido ao sexo. O ph da urina também é ácido, o que facilita a eliminação das bactérias.

    Por isso, tenha o hábito ao final de qual relação sexual, ir até o banheiro para urinar. Assim, além de aliviar a vontade de urinar, você ainda se protege do incômodo de ter uma infecção.

  • Ter bons hábitos de higiene íntima também ajuda a evitar infecção urinária depois do sexo. E isso vale para antes e depois das relações sexuais. Alémdisso, não é só você, mulher, que precisa ter uma boa higiene, esse cuidado também vale para o seu parceiro.

    Mulheres na menopausa podem utilizar pomada  de estrogênio para evitar infecção urinária depois do sexo ou por outra causa. Essa pomada deve ser aplicada na região da mucosa vaginal.

    Entretanto, seu uso deve ser recomendado pelo médico, já que não pode ser utilizada por mulheres que tem contra indicação para realizar reposição hormonal.

    O hábito de segurar a urina nem sempre é uma boa ideia, pois ao segurar por muito tempo, a infecção urinária depois do sexo pode acontecer. Dessa forma, durante o dia, vá ao banheiro mais vezes, evite segurar a urina por longos períodos.

    Ao evacuar, as bactérias podem entrar em contato com a região do períneo e, consequentemente, causar, a infecção urinária. Para evitar esse problema, após cada evacuação, faça uma boa higiene do local.

    Se puder, tome um banho após evacuar, pois é mais seguro e simples higienizar a região com água e sabão, sendo uma boa forma de evitar contaminação drante o sexo e o surgimento da infecção de urina.

    Para ter uma boa imunidade e evitar infecções, é imprescindível manter um estado emocional equilibrado.

    O uso do preservativo, além de evitar o contágio com ISTs (Infecções Sexualmente Transmissíveis), também ajuda a evitar o contato com bactérias que podem causar infecção urinária depois do sexo.

    Quando você já apresenta um quadro de infecção urinária, é preciso ir ao um médico para ser diagnóstica e, caso seja confirmado, realizar o tratamento. A infecção urinária é uma condição séria, já que, se não tratada, pode afetar a qualidade de vida, além de causar sérios danos à saúde.

    O diagnóstico da infecção de urina é feito pelo médico, podendo necessitar de exame de urina tipo 1 e cultura de urina, entre outros que o especialista julgar necessário.

    O exame de cultura de urina, por exemplo, é recomendado para verificar o tipo de bactéria que está causando a infecção. Nesse caso, é possível indicar o tratamento e remédio adequado para combater a infecção. Assim, para evitar problemas a saúde e até a falta de detecção da bactéria no exame, não faça uso da automedicação.

    O tratamento da infecção urinária depois do sexo ou por outra causa varia conforme a avaliação médica. Entretanto, geralmente é prescrito o uso de antibióticos para combater a infecção.

Você Pode Gostar

Faça um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *