A data preferida dos fãs de terror está finalmente aqui! 31 de Outubro, o famoso Halloween, ou Dia das Bruxas, ocasião certeira para selecionar algumas obras assustadoras e passar medo.

 

A BRUXA

Mais um exemplo de atmosfera bem explorada, o terror da A24 ajudou a trazer de volta o respeito às bruxas no cinema. Colocando o espectador em uma pequena família na Nova Inglaterra do século XIV, o filme perturba pelo detalhe em suas imagens, assim como o silêncio e lentidão que antecedem algum acontecimento assustador, como o desaparecimento de um bebê ou um cabrito demoníaco.

SOBRENATURAL

Hoje conhecido pelo sucesso estrondoso da franquia Invocação do Mal, James Wan teve uma ponte importante entre os casos do Casal Warren e as armadilhas de Jigsaw em Jogos Mortais. Marcando sua entrada no gênero de espíritos e assombrações, Sobrenatural garantiu uma nova franquia para o cineasta malaio, ao explorar uma família que é perseguida por espíritos demoníacos. Começa a estabelecer o estilo genial do diretor em nos surpreender com criaturas arrepiantes.

MADRUGADA DOS MORTOS

Essa é para os fãs de um terror mais imediato. Antes de adaptar Watchmen e trazer o divisivo Batman vs Superman: A Origem da Justiça, Zack Snyder estreava como diretor no remake do clássico de George A. Romero, sendo um dos retratos mais sanguinários e intensos de um apocalipse zumbi que o gênero do terror já viu. Muitos sustos e correria garantidos.

ABRACADABRA

Se o espectador deseja manter o espírito do Halloween, ainda que acabe indo um pouco para a comédia dark, nada como o ótimo Abracadabra, filme da Disney que gira em torno de três bruxas que despertam em uma cidadezinha e começam a espalhar o caos. Todo ambientado na noite de Halloween, traz o clima perfeito para a noite das bruxas, além de uma incrível atuação de Bette Midler.

 

OS OUTROS

A perspectiva é uma jogada muito inteligente neste belo terror com Nicole Kidman, que intepreta uma mãe que precisa proteger seus filhos ao descobrir que sua casa está sendo assombrada por espíritos. Parece a clássica história de fantasmas, mas o que Os Outros oferece em sua excelente reviravolta o elevam de um filme comum para algo realmente especial, e que é mais impactante do que qualquer susto.

CORRENTE DO MAL

Sucesso em diversos festivais de cinema independente durante seu período de lançamento, Corrente do Mal é um bom exemplar do terror analogia. Acompanhando um grupo de adolescentes que é assombrado por uma presença demoníaca que se alastra através do contato sexual, o filme explora bem o silêncio e a sensação angustiante de estar sendo perseguido por algo que não se enxerga.

 

Por Observatório do cinema

Você Pode Gostar

Faça um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *